FALE CONOSCO

Entre em contato conosco para tirar todas as suas dúvidas sobre investimento em ouro. Fale com nossos consultores através dos canais abaixo:

0800 7091033
Chat Online

Horário de atendimento: 08h30 às 17h30

NEWSLETTER

  • loading


    OURO ATIVO FINANCEIRO

    Conheça as vantagens de comercializar Ouro com a confiança
    e experiência que a PARMETAL oferece para você.

1
/
3
/

Competência, Agilidade e Confiança em operações com Ouro

A ``Parmetal DTVM`` é uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central do Brasil (Bacen) e pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e é especializada na negociação de ouro ativo financeiro, sua principal atividade.

Cotações Agora (R$/g)

*Preço de negociação pode variar ao longo do dia

Notícias e Artigos

Confira aqui as novidades e nossas avaliações sobre o que está acontecendo no mercado do ouro.
Brasil BREXIT Câmbio Commodity Corrupção Cotacao Dívida Pública Dólar Economia Emprego Energia EUA Europa FED Ibovespa Impeachment Investimento Mercado Mineracao Ouro Petroleo Política Taxa de Juros

Bolsas mundiais operam em alta e ouro segue na mesma direção. 14h36m

29 de junho de 2016
Por: Moacir Camargo – Economista da Parmetal DTVM   Cenário Político-Econômico: O governo Temer inicia estudos para leilões de concessão na área de transportes intermodal. Essa categoria abrange mais de um tipo de transporte e o que o governo visa é a integração de ferrovias e portos e novos investimentos. Espera-se que os leilões de concessão sejam realizados até o final do ano. Ainda antes de terminar 2016, Temer pretende obter aprovação da proposta de reestruturação da Previdência, conforme informações do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha. O Bolsa Família, onde toda a oposição esperava uma estagnação quanto ao aumento nos valores dos benefícios durante a gestão interina, foi anunciado correção em 12,5%. E a pasta da Educação foi presenteada com um plus no orçamento de R$ 700 milhões. Esses números serão oficializados ainda nessa quarta-feira. A presidente afastada Dilma Rousseff ainda não se decidiu se irá ou não fazer sua defesa na próxima quarta-feira na Comissão do Impeachment. Por via de regras, Dilma teria duas oportunidades para se manifestar: uma na próxima quarta para o colegiado que compões a Comissão e a outra para o plenário do Senado antes da votação. Ontem, em reunião no Conselho Europeu, David Cameron não invocou o artigo 50 do Tratado de Lisboa onde daria início ao processo de ruptura do Reino Unido com a União Europeia, resistindo as pressões exercidas pelo Parlamento Europeu e países membros (exceto Alemanha). O ministro do STF, Dias Toffoli, acabou de mandar soltar o ex-ministro e atual marido da senadora Gleise Hoffman, Paulo Bernardo. O juiz responsável pela Operação Custo Brasil, Paulo Bueno de Azevedo, que decretou a prisão de Paulo Bernardo, teve efetivado contra si uma reclamação feita pelo Senado no SFT e uma demanda para investigação no Conselho Nacional de Justiça, alegando infração disciplinar por usurpação de competência. O motivo foi a busca e apreensão realizada no apartamento de Gleise Hoffman, onde Paulo Bernardo mora na maior parte do tempo. Os senadores reclamantes alegaram que ali era o apartamento funcional da senadora. Em resposta ao STF, o juiz Azevedo disse que não autorizou apreensão de bens de Gleise Hoffman e conforme suas palavras: “ainda que o apartamento funcional pertença do Senado Federal, seria, no máximo, um bem público federal. E é sabido que não existe restrições legais para determinação de busca e apreensão em imóveis públicos federais. Não é o apartamento funcional que tem foro por prerrogativa de função. É a senadora da República. ”   Mercados: O mercado opera otimista em mais um dia de alta nas principais Bolsas do mundo. O fato do 1º ministro britânico não ter dado início ao processo de desvinculação do Reino Unido da União Europeu ajudou a manter o mesmo entusiasmo observado ontem nos mercados. A alta nos preços do petróleo, atreladas a uma queda nos estoques dos EUA ajudou a colocar o preço acima dos US$ 50,00 o barril tipo brent e empurrou para cima as cotações dos papeis do setor de energia e finanças. E aos poucos
Brasil BREXIT Câmbio Commodity Cotacao Dívida Pública Dólar Economia Emprego Energia Europa Ibovespa Impeachment Investimento Mercado Ouro Política

Melhora o humor dos mercados e reduz perdas pós BREXIT 14h31m

28 de junho de 2016
Por: Moacir Camargo – Economista da Parmetal DTVM   Cenário Político-Econômico: Ontem, em reunião ministerial, o assunto voltou a ser a Eletrobrás. Com um passivo que totaliza R$ 34 bilhões, em levantamento, apurou-se que a Eletrobrás participa de 174 Sociedades de Propósitos Específicos – SPE que totalizam +/- R$ 20 bilhões em ativos (participação nas usinas de Jirau, Santo Antônio e Belo Monte). O que se colocou em discussão foi a opção em vender essas participações afim de reduzir o endividamento. Não se tem prazo para que isso ocorra. O que parece certo é que vai ocorrer a liquidação da fração pertencente à Eletrobrás nessas 174 SPE´s, mas que ocorrerá em um momento oportuno para a União. Ainda dentro do setor energético, o governo temer anunciou que não acatará a demanda do setor sucroalcooleiro para aumento da CIDE (Contribuição de Intervenção de Domínio Econômico) sobre a gasolina de R$ 0,10 por litro para R$ 0,60, argumentando melhorias ambientais pelo incremento no consumo do etanol, ficando a gasolina mais cara. Aumento da CIDE não faz parte dos planos do governo. Os peritos do Senado que analisaram as pedaladas fiscais da Gestão Dilma em 2015 concluíram que dos 4 decretos assinados pela presidente, 3 deles violaram a meta fiscal vigente e não poderiam ser editados sem autorização legislativa. O laudo aponta que houve atraso no repasse devido pelo Tesouro ao Banco do Brasil referentes ao Plano Safra, constituindo operação de crédito e não respeitando a Lei de Responsabilidade Fiscal. O laudo aponta também, ao contrário do que ocorreu nos decretos, que Dilma não teve ação direta que contribuísse para os atrasos. Só lembrando que as pedaladas apontadas iniciaram em 2014 e continuaram em 2015, mesmo depois de tantos alertas, ficando difícil crer em tal ignorância sobre as medidas e consequências repetidas.   Mercados: O mercado parece que digeriu, pelo menos em parte e começou hoje a recuperar parte das enormes perdas, estimadas até ontem em US$ 2,7 trilhões sobre os papeis negociados no mundo. Ainda não veio a afirmação de que o Reino Unido sairá mesmo da União Europeia, pois pode não acatar o resultado do referendo já que não é vinculante o seu resultado à efetivação da sua saída do bloco econômico europeu. Mas dificilmente a democracia britânica não acatará a vontade popular. Quem sabe os ingleses venham à promover um novo referendo depois de darem conta do tamanho do impacto do BREXIT. Hoje, nos principais meios de comunicação, várias instituições financeiras mostraram-se dispostas a mudarem seus escritórios de Londres para outras metrópoles com Frankfurt, Paris, Amsterdam, gerando um prejuízo até 2020 de 70.000 a 100.000 postos de trabalhos a menos, bem como os benefícios que essa renda gera para a cidade de Londres. No Brasil o setor de siderurgia, energia e financeiro lideram os ganhos no pregão de hoje.   Principais Bolsas Mundiais e índices (13:18): S&P 500 – EUA: ………………………… +1,00% Nasdaq – EUA: …………………………. +1,43% S&P/TSX – CAN:………………………… +1,09% Ibovespa – BRA…………………………. +1,33% DAX – DEU: ……………………………… +1,95%
Brasil BREXIT Câmbio Commodity Corrupção Cotacao Dívida Pública Dólar Economia Europa Ibovespa Investimento Mercado Ouro Política

A SOBERBA ENORME DOS INGLESES PODE TER COLOCADO EM RISCO A UNIÃO DO REINO – 13h30m

27 de junho de 2016
Por: Moacir Camargo – Economista da Parmetal DTVM   Cenário Político-Econômico: Não dá para saber se é estratégia da defesa ou simples desespero por conta das condições, mas os petistas presos: João Vaccari Neto, José Dirceu e André Vargas, pressionam para que o Partido dos Trabalhadores assuma a culpa no esquema de desvio de recursos e corrupção na Petrobras. A ideia comporá a pauta do PT na próxima reunião. O partido vem demandando aos seus deputados e membros que façam visitas humanitárias, principalmente ao tesoureiro Vaccari. Outro defensor destas manifestações de solidariedade é o ex-presidente Lula. Como alternativa de venda, a gestão Temer estuda criar unidades de negócios dentro da BR Distribuidora como: Venda de Combustíveis e Lojas de Conveniência para que possam ser negociadas, dando controle majoritário aos investidores adquirentes e autonomia administrativa nessas unidades de negócios, mas tendo ainda o controle estatal de forma majoritária sobre o todo da BR Distribuidora. O governo, aparentemente, pretendo com isso melhorar a gestão e obter um incremento no valor do negócio.   Mercados: A pressão é forte sobre os ingleses pós o resultado de consulta popular ter apontado a saída do Reino Unido do bloco comum europeu, sendo a vontade do povo. A Escócia agora quer se desvincular do Reino Unido, a Irlanda do Norte também e o mesmo sentimento contagia o País de Gales. Mas a pressão maior encontrasse dentro da Inglaterra. Primeiramente sobre os políticos que fomentaram tamanho desejo desvinculatório na população inglesa. E agora, vem à vontade em se manter unida à zona do euro, a maior área metropolitana do Reino Unido e a maior zona urbanizada da Europa: a cidade de Londres. Enfim, a zona do euro quer que o Reino Unido saia definitivamente do mercado comum europeu o mais rápido possível. A ideia é que isso ocorra já a partir da próxima sexta-feira, diferente do que o atual, mas já renunciado e com data para ser substituído (outubro), 1º ministro David Cameron que gostaria que os processos desvinculatórios sejam iniciados a partir de outubro, sob a tutela do novo 1º ministro (anda não definido). No Brasil, na sexta-feira pós anúncio do resultado do referendo inglês, os números do mercado não foram diferentes do mundo e o mercado operou apontando o nariz para baixo, seguindo nesse funesto pessimismo. Se nem lá na Europa se tem ao certo qual é o tamanho do impacto que terá a saída do Reino Unido da zona do euro, imagina se temos esse dimensionamento aqui. Com isso, o que de tão negativo podemos esperar? Somente o pessimismo dos investidores. Mas se tivéssemos em paz com nossas finanças públicas, poderia ser o Brasil um porto seguro para o capital europeu que se encontra em pânico ou pelo menos operando assim. Diante de todas as crises é que as oportunidades batem à porta. No momento é o ouro que segue como ativo seguro e valorizando em cima das incertezas do mercado. Outro ponto a ser explorado são as ‘opções’ onde, fazendo uso do modelo
Brasil BREXIT Câmbio Commodity Corrupção Cotacao Dólar Economia Emprego EUA Europa Ibovespa Impeachment Investimento Mercado Ouro Política

O que os mercados não queriam aconteceu: BREXIT confirmado. 17h24m

24 de junho de 2016
Por: Moacir Camargo – Economista da Parmetal DTVM   Cenário Político-Econômico: O Ministério Público e Polícia Federal, através do resultado de investigações da Operação Custo Brasil, um braço da Lava Jato, estima que R$ 100 milhões foram pagos em esquema de propina, por meio de por uma empresa que foi contatada pelo Ministério do Planejamento para fazer a gestão dos contratos de crédito consignados firmados pelos servidores públicos. Paulo Bernardo, ex-ministro do Planejamento e de Comunicações do governo, teria recebido R$ 7 milhões, oriundo do esquema. Paulo Bernardo é marido da senadora do PT Gleise Hoffman que ao lado de Lindbergh Farias são os mais contundentes defensores da presidente Dilma no Senado. Ambos são investigados pelo STF por envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras, peça da Operação Lava Jato. Michel Temer revogou ontem, via medida provisória 735/16, o benefício dado aos investidores que poderiam pedir compensação ao governo em caso de atraso nas obras de energia elétricas e linhas de transmissão, por entender que a medida que concedia os benefícios também resultaria em atraso nas entregas, além de ser uma interferência clara do governo nas atribuições da Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica, autarquia responsável pela regulação e fiscalização do setor, bem como o monitoramento das obras e aplicação de penalidades. Um dos procuradores federais, Carlos Fernando dos Santos Lima, afirmou que Marcelo Odebrecht nunca esteve, nem perto, de vir a fazer delação premiada. Odebrecht nunca discutiu a possibilidade e nem demostrou vontade em colaborar. Lima lembrou o fato que Marcelo Odebrecht, antes da sua condenação, na CPI disse que ficaria mais aborrecido com uma de suas filhas que dedurasse a outra do que com aquela que tivesse feito algo errado. Caso venha a acontecer, a delação de Marcelo é a mais esperada e fará os links necessários para desvendar todo esquema e possibilitará a devolução aos cofres públicos de montantes bilionários. A mira do Ministério Público Federal agora está sobre os fundos de pensão da Petrobras e dos Correios.   Mercados: Enfim o resultado do referendo saiu e com ele veio a onda de pessimismo arrasador sobre os mercados. Mas qual o impacto para o Brasil da saída da Grã-Bretanha, se o Congresso do Reino Unido efetivar a decisão popular? Talvez os resultados sejam até favoráveis, já que os governos Lula e Dilma não privilegiaram acordos de grande proveito com a União Europeia e nem melhoram nossa relação para com eles. Talvez, se efetivada a saída de Dilma Rousseff, o novo ministro do Comércio Exterior, José Serra, possa fazer bons acordos comerciais tanto com a Grã-Bretanha como com o bloco da União Europeia, promovendo aumento das nossas exportações para com eles e consequentemente aumento dos investimentos e emprego. No parlamento europeu, o presidente da casa, Martin Schulz, disse ao jornal britânico The Guardian que quer o Reino Unido fora do bloco da União Europeia o mais rápido possível. Para Schulz, o prazo dado por David Cameron (a parir de outubro) não é suficientemente rápido o que pode
Brasil China Commodity Corrupção Cotacao Dólar Economia EUA Europa Ibovespa Impeachment Investimento Mercado Ouro PIB Política

Ótimo dia para os mercados e péssimo dia para o PT – 13h45m

23 de junho de 2016
Por: Moacir Camargo – Economista da Parmetal DTVM   Cenário Político-Econômico: O cenário político para o Partido dos Trabalhadores fica cada dia mais negro. Hoje pela manhã, durante andamento da Operação Custo Brasil, foram várias prisões decretadas, sendo destaque para a sede do PT em São Paulo que foi objeto de busca e apreensão de computadores e documentos e a prisão em Curitiba do ex-ministro do Planejamento e de Comunicações do governo Lula, Paulo Bernardo, marido da senadora do PT Gleise Hoffman que também é indiciada pela PF na Operação Lava Jato. Michel Temer libera a importação do feijão afim de baratear o preço, mas é pouco provável que dê resultados já que não é uma commodity de produção e negociação significativa no mundo. O feijão mais consumido no Brasil é o tipo carioquinha e não se vê negociado no exterior.   Mercados: Chegou o dia do tão esperado: hoje é o dia do referendo que definirá a permanência ou a saída da Grã Bretanha do bloco econômico europeu. As apostas dos mercados são de permanência, mas as opiniões encontram-se bem divididas entre os britânicos, mas todos sabem que unidos os europeus se tornam mais fortes e competitivos. Nos mercados do eixo Ásia-Pacífico, a China e a Coreia do Sul fecharam em leve baixa neste dia de cautela, enquanto que Japão e Austrália encerram otimistas o pregão de hoje. Nas principais Bolsas, europeias e das américas, as operações seguem com forte desempenho. Hoje vários índices esperados foram divulgados há pouco e ajudaram a promover o otimismo do dia, como: a melhora nos índices de emprego dos EUA; o índice de aquisição de insumos para o setor indústria da Europa e EUA melhoram (porem o de serviços piorou); as vendas de casas novas nos EUA caiu 11% em relação ao mês anterior (551k ante 619k). Acreditamos que até amanhã de manhã teremos definido a situação do referendo BREXIT e o mercado poderá atuar de forma a precificar a saída ou a permanência. O que se sabe é que as pesquisas mostram enorme acirramento e a definição ficará por conta dos indecisos que na véspera, conforme pesquisas locais, estavam entre 10% a 16% dos consultados (ComRes/ITN 10%, TNS 16% e Opinium 11%). O Ibovespa segue em forte otimismo, acompanhando a melhora na análise de consultorias e bancos a respeito do crescimento econômico para 2016 e 2017. A Consultoria Mendonça de Barros espera que o PIB decresça -3,3% em 2016 (ante -4,1%) e que cresça +2,0% em 2017 (ante +0,6%). O economista-chefe do Banco Fibra, Cristiano Oliveira, já espera crescimento em 2017 de 2,1% (ante 1%). O índice de confiança empresarial medido pela CNI, já comentado por mim, também apresentou melhoras (coisa que não se via desde nov/2014) e apoia o otimismo da BM&F Bovespa e que deve se tornar mais evidente e sustentável pós confirmação do impedimento da presidente Dilma Rousseff.   Principais Bolsas Mundiais e índices (13:33): S&P 500 – EUA: ………………………… +0,99% Nasdaq – EUA: …………………………. +1,21% S&P/TSX – CAN:…………………………

Quero Comprar Ouro

Comprar Ouro é muito simples. Todo ouro vendido pela empresa é considerado ativo financeiro e não mercadoria. O ouro poderá ficar custodiado na empresa, para posterior retirada ou negociação, bem como ser entregue no endereço do cliente (consulte custos de entrega). Tecle em ``Saiba mais`` se deseja mais informações sobre como comprar, conhecer nossos lingotes e moedas; e conhecer como funciona a custódia de ouro. Saiba mais

Quero Vender Ouro

Vender seu ouro não é complicado. Se ele já estiver custodiado na empresa é só fechar a operação por telefone e aguardar o pagamento em questão de minutos. Se, no entanto, ele estiver em seu poder, precisaremos saber sua pureza (se não for puro, haverá o custo de refino) e conhecer sua origem (investimento ou mineral) para adotarmos os procedimentos fiscais adequados. Tecle em ``Saiba mais`` para entender os procedimentos.Saiba mais