• loading


    OURO ATIVO FINANCEIRO

    Conheça as vantagens de comercializar Ouro com a confiança
    e experiência que a PARMETAL oferece para você.

1
/
3
/

Competência, Agilidade e Confiança em operações com Ouro

A ``Parmetal DTVM`` é uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central do Brasil (Bacen) e pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e é especializada na negociação de ouro ativo financeiro, sua principal atividade.

Cotações Agora (R$/g)

*Preço de negociação pode variar ao longo do dia

Notícias e Artigos

Confira aqui as novidades e nossas avaliações sobre o que está acontecendo no mercado do ouro.
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro fecha em alta, apoiado por dados fracos nos EUA e na Europa.

3 de abril de 2020
O ouro fechou com ganhos nesta sexta-feira, 3, em dia de busca por segurança nos mercados internacionais em geral. Dados negativos dos dois lados do Atlântico apoiaram a demanda pelo metal. Nymex). Na comparação semanal, o metal teve alta de 1,27%. A economia dos Estados Unidos cortou 701 mil postos de trabalho em março e a taxa de desemprego avançou a 4,4%, números bem piores que o projetados pelos analistas, embora o salário médio por hora tenha avançado 0,39% em março ante fevereiro, acima da previsão de alta de 0,20% dos analistas. Na Europa, vários dados negativos foram divulgados, como o índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) composto da zona do euro, que atingiu mínima histórica em março. Em meio a esses sinais negativos da economia global em meio à pandemia de coronavírus, o apetite pelo ouro foi apoiado. O Commerzbank afirma em relatório que o metal tem sido apoiado por dados “desastrosos” do mercado de trabalho americano, como o de pedidos de auxílio-desemprego da quinta-feira, que sugere um “quadro catastrófico da situação econômica dos EUA”. O banco alemão comentou ainda que o payroll de hoje não refletiria toda a fraqueza do mercado de trabalho agora, por não cobrir as duas últimas semanas. Com a disseminação dos casos de coronavírus nos EUA, o Commerzbank diz que o governo e o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) devem adotar mais medidas, o que tende a sustentar a demanda pelo ouro. FONTE: Isto É
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro fecha em alta de quase 3% com dados econômicos negativos nos EUA.

2 de abril de 2020
O contrato futuro de ouro interrompeu uma sequência de quatro quedas consecutivas e fechou a sessão desta quinta-feira, 2, em alta de quase 3%, com maior busca por segurança após os Estados Unidos divulgarem mais um recorde no número de pedidos de auxílio-desemprego. Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para junho encerrou em alta de 2,90%, a US$ 1,6377 a onça-troy. O Departamento do Trabalho dos Estados Unidos informou hoje que o numero de novos pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos saltaram 3,341 milhões na semana encerrada em 28 de março, para o novo recorde de 6,648 milhões, em meio ao impacto do coronavírus na economia. Já o Instituto para Gestão da Oferta (ISM, na sigla em inglês) divulgou que as condições empresariais de Nova York despencou de 51,9 em fevereiro para 12,9 em março, menor nível já registrado pelo indicador. Segundo a Capital Economics, as perspectivas de uma recessão global devem sustentar o movimento ascendente de ativos de segurança, o que beneficiará o ouro. “No início de março, o ouro caiu em linha com os mercados acionários, aparentemente como resultado de um movimento de vendas por estresse. No entanto, após a injeção de liquidez do Federal Reserve (Fed, o banco central americano), o preço subiu em linha com outros ativos de segurança”, explica a consultoria. Na mesma linha, a Erste Group Research acredita que a alta deve continuar em curto prazo. “O preço do ouro está se beneficiando da volatilidade nos mercados financeiros e de taxas de juros baixas. Esperamos que o ouro fique oscilando na faixa entre US$ 1,580 e US$ 1,680 a onça troy no segundo trimestre”, projeta. FONTE: Isto É
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro tem maior ganho semanal desde 2008.

30 de março de 2020
O ouro caiu na sexta-feira sob cautela antes do final de semana, mas os preços devem registrar seu maior ganho semanal desde 2008, uma vez que os danos econômicos esperados pelo coronavírus aumentaram o apelo de refúgio do ouro. Platina e paládio estavam no caminho para seus maiores ganhos semanais registrados em preocupações de fornecimento decorrentes de um bloqueio na maior produtora da África do Sul. O ouro à vista caiu 0,5%, para 1.620,81 dólares por onça. Os contratos futuros de ouro nos EUA caíram 1,7%, a US $ 1.623,30 por onça. “Uma liquidação das ações dos EUA pesou novamente em todas as classes de ativos, levando a uma série de pressão de margem sobre metais preciosos”, disse Phil Streible, estrategista-chefe de mercado da Blue Line Futures em Chicago. As ações de Wall Street caíram mais de 3%, com os temores sobre os danos econômicos da pandemia de coronavírus voltando à tona. “O ouro se vinculou ao mercado de ações”, disse Bob Haberkorn, estrategista sênior de mercado da RJO Futures. “Existem tantas incógnitas no final de semana e, embora o ouro seja um ativo de segurança, há apenas uma relutância em acrescentar riscos”. O ouro ganhou mais de 8% até agora nesta semana, apoiado pelo maior salto já registrado nas reivindicações semanais de desemprego nos EUA e pelas medidas de estímulo econômico sem precedentes do Federal Reserve dos EUA. Os investidores estão aguardando a aprovação de uma fatura de pacote de estímulo de US $ 2,2 trilhões que injetará dinheiro na maior economia do mundo para conter os danos causados ​​pela pandemia. “O mercado procura avaliar o impacto de vários bloqueios e fechamentos de negócios na economia”, disse Suki Cooper, analista do Standard Chartered Bank. “Os preços do ouro ganharam mais terreno na expectativa de mais estímulos e dados mais fracos por vir”. “Os riscos de preços permanecem com a vantagem de impedir os lucros e (esperamos) que os preços fiquem em média US $ 1.725 por onça no segundo trimestre de 2020”, disse ela. Os participantes do mercado de ouro também acompanharam atentamente o suprimento físico, pois os bloqueios causados ​​por vírus paralisaram as cadeias de suprimentos. Os negociantes de ouro físico lutaram para atender à crescente demanda por refúgios esta semana, especialmente em Cingapura, com a pandemia sufocando as cadeias de suprimento globais, enquanto descontos enormes foram oferecidos na Índia em meio a um bloqueio. Entre outros metais preciosos, o paládio caiu 3%, para US $ 2.261,88 por onça, mas subiu cerca de 38,6% até agora nesta semana. A platina ficou estável em US $ 736,06 por onça, mas ganhou cerca de 21% nesta semana. A prata caiu 0,3%, para 14,35 dólares por onça, mas estava caminhando para o seu maior ganho semanal desde 2008. FONTE: br.advfn.com
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Coronavírus faz disparar o interesse pelo ouro.

26 de março de 2020
O ouro é um tradicional valor de refúgio, muito apreciado pelos investidores em momentos de crise. E durante a pandemia de coronavírus, com enormes efeitos na economia, marcas especializadas na venda física do metal precioso não conseguem acompanhar os pedidos. Tanto é assim que os clientes com pressa podem ter dificuldade em obter barras de ouro, pelo menos no curto prazo. “O telefone não para de tocar e os pedidos dispararam”, disse à AFP Alessandro Soldati, diretor da Gold Avenue, distribuidor oficial do grupo Pamp, líder mundial em metais preciosos. Em três semanas, com a disseminação da pandemia, a companhia superou o número de vendas realizadas no último trimestre de 2019. A maioria dos pedidos é feita on-line, “temos todas as ferramentas para atender a essa demanda crescente”, assegura Omar Liess, presidente do conselho da empresa, com sede na Suíça. No momento, a principal dificuldade é a logística para garantir as entregas, pois muitos voos foram cancelados. No entanto, os clientes têm a possibilidade de guardar moedas e barras em cofres, já que empresas especializadas na venda de ouro costumam oferecer soluções de armazenamento. Aqueles que preferem guardar o metal dourado em casa devem ser pacientes. “Devido ao volume de pedidos, os prazos de entrega são superiores a 15 dias úteis”, diz a empresa JM Bullion, com sede nos Estados Unidos, em seu site. Essa forte demanda “tem um impacto positivo (para a empresa), mas também negativo, com atrasos nas entregas no Reino Unido”, explicou à AFP Liam Sheasby, chefe de marketing e mídia da BullionByPost. No momento, não há escassez de ouro, com exceção das moedas recém-cunhadas, impossíveis de encontrar há 48 horas e cuja existência é “limitada” em comparação com outros produtos mais caros, explica Laurent Schwartz, diretor da Comptoir National de l’Or. Mas, a longo prazo, a situação pode ser complicada. “Toda a indústria é afetada”, enfatiza Liess. Várias refinarias tiveram que interromper a atividade. Na Suíça, Pamp, Valcambi e Argor-Heraeus, três refinarias que representam cerca de um terço da produção mundial, tiveram que ser temporariamente fechadas a pedido das autoridades. E o presidente sul-africano Cyril Ramaphosa impôs um confinamento rigoroso por três semanas na segunda-feira no país, o principal produtor de ouro do continente e o mais afetado pela pandemia de coronavírus na África subsaariana. - Como em 2008 - Em tempos de incerteza econômica, o ouro está sendo negociado mais alto como um porto seguro. Agora que muitos bancos centrais injetam grandes quantidades de liquidez no sistema financeiro, o metal amarelo é considerado um bom investimento para evitar a inflação e manter o poder de compra. As pessoas que compram esse tipo de produto geralmente são “ricas ou de classe média alta, mas não megarricas”, explica John Reade, analista do Conselho Mundial do Ouro. Os investidores profissionais, por outro lado, tendem a buscar diretamente nos mercados, comprando ativos financeiros indexados ao ouro, “mais acessíveis e mais baratos”, acrescenta. No sentido contrário, algumas pessoas preferem “a segurança de ter o ativo em suas mãos”. Depois de
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro retoma rali e tem maior alta diária em 11 anos.

25 de março de 2020
Depois de baixa, preços dos contratos do ouro com vencimento para abril fecharam a sessão regular desta terça-feira com ganhos de 5,61%. O ouro fechou em alta acima de 5% pela segunda sessão consecutiva e retomou o nível anterior ao dia 11 de março, quando sucessivas sessões de “sell-off” nos mercados financeiros globais fez investidores e gestores realizarem lucros com o metal para cobrir perdas em ações e outros ativos de risco. Os preços dos contratos do ouro com vencimento para abril fecharam a sessão regular desta terça-feira com ganhos de 5,61%, a US$ 1.660,80 a onça-troy, a maior alta diária em 11 anos. Em dólares, o metal valorizou mais US$ 93, depois de ter subido aproximadamente US$ 80 ontem, anotando um aumento de mais de 10% nos dois primeiros dias desta semana. O metal conseguiu manter os fortes ganhos do dia mesmo com o dólar reduzindo as perdas. O índice dólar DXY, que chegou a cair perto de 1% mais cedo, já operava em queda mais moderada de 0,38% nesta tarde, a 102,095 pontos. O impulso ao ouro foi dado em grande parte pelo último anúncio do Federal Reserve (Fed), que anunciou ontem que seu atual programa de alívio quantitativo (QE) terá compras ilimitadas de títulos do Tesouro americano e títulos hipotecários para injetar liquidez nos mercados em meio à crise engatilhada pela pandemia de coronavírus. O banco central dos EUA também já lançou, entre outras medidas, intervenção em títulos corporativos, melhorias no mecanismo de financiamento de papéis comerciais (“comercial papers”) e sinalizou um programa de empréstimos para pequenas empresas. As medidas devolveram liquidez aos mercados financeiros e ajudaram a conter o dólar a alta demanda por dólar. Neste cenário, analistas do Goldman Sachs apontaram em relatório que o ambiente é o ideal para que os investidores continuem comprando ouro, um tradicional ativo de segurança. “Há muito tempo argumentamos que o ouro é o último recurso, atuando como um hedge contra a degradação da moeda quando os formuladores de políticas agem para acomodar choques como o que está sendo experimentado agora”, disseram analistas do Goldman Sachs, liderados por Jeffrey Currie. Eles projetam que o preço do metal pode chegar a US$ 1.800 por onça-troy em 12 meses. Os analistas do banco de investimentos americano tomam como base a grande crise financeira de 2008 e citam que, na época, o lançamento do programa de QE do Fed foi um ponto de virada, assim como pode ser agora. “Estamos começando vendo um padrão semelhante surgir à medida que os preços do ouro se estabilizaram na semana passada e se recuperaram quando o Fed introduziu [ontem] novas medidas de injeção de liquidez”, escreveram eles. Para os analistas do Goldman, as medidas do Fed terão a capacidade de diminuir as tensões sobre liquidez e crédito e o foco das preocupações se voltará a temas como até onde o balanço do Fed se expandirá, o aumento dos déficits fiscais em países desenvolvidos diante dos grandes pacotes de socorro à economia e novamente à sustentabilidade

Quero Comprar Ouro

Comprar Ouro é muito simples. Todo ouro vendido pela empresa é considerado ativo financeiro e não mercadoria. O ouro poderá ser entregue no endereço do cliente (consulte custos de entrega). Tecle em ``Saiba mais`` se deseja mais informações sobre como comprar ou conhecer nossos lingotes.Saiba mais

Quero Vender Ouro

Vender seu ouro não é complicado. Se ele estiver em seu poder, precisaremos saber sua pureza (se não for puro, haverá o custo de refino) e conhecer sua origem (investimento ou mineral) para adotarmos os procedimentos fiscais adequados. Tecle em ``Saiba mais`` para entender os procedimentos.Saiba mais