CADASTRO

Para comprar e vender Ouro com a Parmetal, preencha nosso formulário online. Clique nos botões abaixo para criar ou acessar seu perfil.

Pessoa Física Pessoa Jurídica

PASSO A PASSO

01. Preencha os formulários de cadastro.
02. Imprima os documentos gerados, confira suas informações e assine nos campos assinalados.
03. Entregue os documentos impressos juntamente com o restante da documentação solicitada na agência mais próxima de você. Entraremos em contato informando a efetivação de seu cadastro.

Acesse o tutorial aqui
  • loading


    OURO ATIVO FINANCEIRO

    Conheça as vantagens de comercializar Ouro com a confiança
    e experiência que a PARMETAL oferece para você.

1
/
3
/

Competência, Agilidade e Confiança em operações com Ouro

A ``Parmetal DTVM`` é uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central do Brasil (Bacen) e pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e é especializada na negociação de ouro ativo financeiro, sua principal atividade.

Cotações Agora (R$/g)

*Preço de negociação pode variar ao longo do dia

Notícias e Artigos

Confira aqui as novidades e nossas avaliações sobre o que está acontecendo no mercado do ouro.
Banco Central Commodity Dólar FED Geopolíticos Moedas New York Ouro

Ouro fecha em baixa com fortalecimento do dólar

25 de abril de 2018
Publicado: (25.04.2018 15:46) Por: UOL O contrato futuro de ouro fechou em baixa nesta quarta-feira, em meio a uma nova rodada de fortalecimento do dólar em relação a outras moedas principais e a divisas de países emergentes. Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para entrega em junho fechou em baixa de 0,76%, a US$ 1.322,80 por onça-troy. O dólar voltou a ganhar força nesta quarta-feira, à medida que os investidores continuaram a vender Treasuries com a perspectiva de que o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) acelere as elevações de juros. Como é cotado em dólar, o ouro tende a cair quando a moeda americana ganha força, já que os preços ficam mais caros para investidores que operam em outras divisas. A redução das tensões geopolíticas e comerciais também contribuiu para um declínio na cotação do metal precioso, que recuou cerca de 2% nos últimos cinco dias, de acordo com analistas. Site: http://jcrs.uol.com.br/_conteudo/2018/04/economia/624048-ouro-fecha-em-baixa-com-fortalecimento-do-dolar.html
Cobre Commodity Cotacao Dólar EUA FED Geopolíticos Inflação Libra Moedas Nova York Ouro Platina Política Prata Taxa de Juros Títulos

Ouro deixa mínima de duas semanas, mas dólar mais forte pesa

24 de abril de 2018
Publicado: (24.04.2018 05:36) Por: Investing.com A cotação do ouro se afastava da mínima de duas semanas nesta terça-feira, mas lutava para avançar uma vez que um dólar mais forte continuava a pesar sobre a demanda do metal precioso. Contratos futuros de ouro com vencimento em junho na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York avançavam US$ 3,80, ou 0,29%, para US$ 1.328,00 a onça troy por volta das 05h34. Na segunda-feira, o ouro caiu para US$ 1.323,80, mínima de duas semanas, e encerrou o dia em baixa de 0,64%. A cotação do metal permanecia sob pressão devido ao dólar amplamente mais forte, que se estabilizava próximo à máxima de sete semanas frente a uma cesta de moedas, impulsionado por rendimentos mais altos de títulos do Tesouro dos EUA. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais moedas, atingiu a máxima de US$ 90,84, nível mais alto desde 1º de março, e marcava 90,77. Um dólar mais forte torna o metal cotado nesta moeda mais caro para detentores de modas estrangeiras. Nesta segunda-feira, o rendimento do título do Tesouro dos EUA com vencimento em 10 anos atingiu 2,998%, sua máxima de mais de quatro anos, já que perspectivas de fortalecimento da inflação aumentavam as expectativas de ritmo mais acelerado de endurecimento monetário do Federal Reserve. Mais tarde, esse rendimento deixou esse nível e estava em 2,957%. Taxas de juros mais altas são ruins para o ouro uma vez que o metal precioso, que não paga juros, luta para competir com ativos com melhores rendimentos quando as taxas de juros sobem. O ouro, que é normalmente procurado por investidores como uma reserva de valor em momentos de turbulência no mercado e tensões políticas e tende a cair à medida que a confiança dos investidores retorna, perdeu força em sessões recentes uma vez que preocupações com riscos geopolíticos e tensões comerciais diminuíram. Em outras negociações de metais preciosos, contratos futuros de prata avançavam 0,47% para US$ 16,66 a onça troy, ao passo que contratos futuros de platina estavam em baixa de 0,11% e eram negociados a US$ 921,40. Entre outros metais de base, contratos futuros de cobre subiam 0,95% e eram negociados a US$ 3,140 a libra. Site: https://br.investing.com/news/economy-news/ouro-deixa-minima-de-duas-semanas-mas-dolar-mais-forte-pesa-579952
China Cobre Commodity Coreia do Norte Coreia do Sul Cotacao Dólar Economia EUA FED Geopolíticos Libra Moedas Nova York Ouro Platina Política Prata Taxa de Juros

Ouro cai à mínima de duas semanas devido ao dólar mais forte

23 de abril de 2018
Publicado: (23.04.2018 05:57) Por: Investing.com A cotação do ouro caía ao menor nível em duas semanas nesta segunda-feira, já que um dólar mais forte e apetite renovado ao risco reduziam a demanda pelo metal precioso. Contratos futuros de ouro com vencimento em junho na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York recuavam US$ 7,10, ou 0,55%, para US$ 1.331,20 a onça troy por volta das 05h57. O índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, avançava 0,32% para 90,37. Um dólar mais forte torna o metal cotado nesta moeda mais caro para detentores de modas estrangeiras. A demanda pelo dólar continuava a se sustentar após comentários recentes de integrantes do Federal Reserve terem indicado que as taxas de juros continuarão a subir em 2018 enquanto a economia permanecer no caminho certo. Expectativas de taxas de juros mais altas tendem a impulsionar o dólar por tornarem a moeda norte-americana mais atrativa a investidores que buscam bons rendimentos. Taxas de juros mais altas são ruins para o ouro uma vez que o metal precioso, que não paga juros, luta para competir com ativos com melhores rendimentos quando as taxas de juros sobem. A Coreia do Norte afirmou no sábado que está suspendendo testes nucleares e com mísseis e desativando sua instalação de testes nucleares antes das reuniões planejadas com a Coreia do Sul e com os EUA. Apesar dos receios com riscos geopolíticos, preocupações com uma disputa comercial entre EUA e China também pareciam diminuir. O ouro é normalmente procurado por investidores como uma reserva de valor em momentos de turbulência no mercado e tensões políticas e tende a cair à medida que a confiança dos investidores retorna. Em outras negociações de metais preciosos, contratos futuros de prata recuavam 1,10% para US$ 16,97 a onça troy, ao passo que contratos futuros de platina estavam em baixa de 0,62% e eram negociados a US$ 926,00 Entre outros metais de base, contratos futuros de cobre subiam 0,26% e eram negociados a US$ 3,143 a libra. Site: https://br.investing.com/news/not%C3%ADcias-de-commodities-e-futuros/ouro-cai-a-minima-de-duas-semanas-devido-ao-dolar-mais-forte-579677
Banco Central Chicago Cobre Commodity Cotacao Dólar Economia FED Geopolíticos Inflação Investimento Libra Moedas Nova York Ouro Paládio Platina Política Prata Taxa de Juros

Ouro cai enquanto dólar norte-americano se recupera

20 de abril de 2018
Publicado: (20.04.2018 11:30) Por: Investing.com A cotação do ouro estava em baixa nesta sexta-feira, já que uma recuperação do dólar norte-americano pressionava para baixo os preços do metal precioso. Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York, contratos futuros de ouro recuavam US$ 10,60, cerca de 0,8%, para US$ 1.338,20 a onça troy por volta das 11h26. Com tensões geopolíticas desaparecendo no plano de fundo, um aumento de 0,6% no índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais moedas, foi o suficiente para gerar pressão sobre a commodity cotada em dólar, o que torna mais cara a detentores de moeda estrangeira e, assim, reduz a demanda. Ainda assim, o ouro está sendo negociado em uma faixa estreita e estava no caminho de perdas na semana de apenas cerca de 0,7%, ao passo que mantém ganhos de 1,5% até o momento neste ano. Sem grandes dados econômicos na agenda desta sexta-feira, participantes do mercado continuarão a buscar indicações sobre a política monetária a partir de membros do Federal Reserve. Loretta Mester, presidente do Fed de Cleveland, reiterou sua visão de que o banco central deveria avançar com planos de reduzir gradualmente a política acomodatícia. “Se a economia evoluir como eu espero, acredito que mais aumentos graduais das taxas de juros serão apropriados neste e no próximo ano” comentou ela na noite de quinta-feira. Em uma repetição dos comentários feitos no início dessa semana, Charles Evans, presidente do Fed de Chicago, afirmou na sexta-feira que ele não viu sinais de explosão na inflação. “Enquanto este quadro continuar, o Comitê Federal de Mercado Aberto pode aumentar gradualmente as taxas de juros ao mesmo tempo em que monitora pressões inflacionárias em alta”, afirmou ele. John Williams, dirigente do Fed de São Francisco, fará uma aparição pública às 12h15. Mercados já precificam em grande parte que o Fed irá elevar os juros mais duas vezes neste ano. Futuros do fundo do Fed apostam que há apenas cerca de 100% de chances de aumento da taxa de juros na reunião de junho, de acordo com o Monitor da Taxa da Reserva Federal do Investing.com. A probabilidade de outro aumento em dezembro é vista em torno de 88%. Embora a possibilidade do total de quatro aumentos de taxas de juros neste ano permaneça abaixo do patamar de 50%, as apostas subiram para cerca de 42% em comparação a apenas cerca de 35% na semana passada. Taxas de juros mais altas tendem a pesar na demanda pelo ouro, que não rende juros, em favor de investimentos que possuem rendimentos. Quanto a outros metais, contratos futuros da prata recuavam US$ 0,129, ou cerca de 0,7%, para US$ 17,110 a onça troy por volta das 11h29. Contratos futuros de paládio tinham perdas de 0,5% e eram negociados a US$ 1.021,55 a onça. Já a platina recuava 1% para US$ 930,30. Em metais de base, o cobre avançava 0,1% para US$ 3,135 a libra. Site: https://br.investing.com/news/not%C3%ADcias-de-commodities-e-futuros/ouro-cai-enquanto-dolar-norteamericano-se-recupera-579330
Commodity Cotacao Desemprego Dólar EUA FED Moedas Nova York Ouro Política Taxa de Juros Títulos

Ouro cai enquanto títulos do Tesouro dos EUA rendem mais de 2,9%

19 de abril de 2018
Publicado: (19.04.2018 11:24) Por: Investing.com A cotação do ouro estava em baixa nesta quinta-feira, já que o dólar flutuava em torno da marca de inalterado e rendimentos de títulos do Tesouro dos EUA subiam. Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York, contratos futuros de ouro recuavam US$ 2,60, ou cerca de 0,2%, para US$ 1.350,90 a onça troy por volta das 11h23, ao passo que o índice dólar, que mede a força da moeda frente a uma cesta ponderada de seis principais divisas, recuava 0,04% para 89,31. O rendimento do título do Tesouro dos EUA com vencimento em 10 anos passava de 2,9% nesta quinta-feira, um dia após o rendimento do título de 2 anos ter atingido seu nível mais alto desde setembro de 2008. A queda do ouro, que não paga juros, pode ter ocorrido devido à incapacidade do metal de competir com ativos que possuem renda fixa. Dados econômicos divulgados nesta quinta-feira ofereceram uma leitura contraditória, já que os pedidos de seguro-desemprego caíram menos do que o esperado. Ainda assim, a economia norte-americana é considerada como em pleno empregou ou próxima a isso, com a taxa de desemprego em 4,1%, mínima de 17%. No lado positivo, o índice da atividade industrial do Fed de Filadélfia subiu inesperadamente uma vez que empresas continuam otimistas com relação às perspectivas para a atividade industrial. Nesta quinta-feira, Lael Brainard, diretora do Federal Reserve, fez um discurso no qual sugeriu que era muito cedo para flexibilizar a regulamentação bancária devido ao aumento dos preços de ativos e da alavancagem. Embora Brainard tenha se desviado da política monetária na maioria do tempo, ela sugeriu que a inflação está bem ancorada por alguns sinais de desequilíbrios. Randal Quarles, diretor do Fed, fez seu depoimento semestral sobre regulamentação bancária no Senado dos EUA nesta quinta-feira, repetindo os comentários feitos na Câmara na terça-feira. Não foram feitos comentários sobre política monetária. Loretta Mester, presidente do Fed de Clevelante, poderia oferecer indicações mais relevantes quanto à trajetória futura das taxas de juros quando ela realizar comentários sobre as perspectivas e sobre a política monetária em uma conferência às 19h45. Operadores de futuros apostam em cerca de 100% de chances de aumento da taxa de juros em junho, de acordo com o Monitor da Taxa da Reserva Federal do Investing.com. Apostas de um terceiro aumento em dezembro estão em cerca de 90%. Site: https://br.investing.com/news/not%C3%ADcias-de-commodities-e-futuros/ouro-cai-enquanto-titulos-do-tesouro-dos-eua-rendem-mais-de-29-579029

Quero Comprar Ouro

Comprar Ouro é muito simples. Todo ouro vendido pela empresa é considerado ativo financeiro e não mercadoria. O ouro poderá ficar custodiado na empresa, para posterior retirada ou negociação, bem como ser entregue no endereço do cliente (consulte custos de entrega). Tecle em ``Saiba mais`` se deseja mais informações sobre como comprar, conhecer nossos lingotes e moedas; e conhecer como funciona a custódia de ouro. Saiba mais

Quero Vender Ouro

Vender seu ouro não é complicado. Se ele já estiver custodiado na empresa é só fechar a operação por telefone e aguardar o pagamento em questão de minutos. Se, no entanto, ele estiver em seu poder, precisaremos saber sua pureza (se não for puro, haverá o custo de refino) e conhecer sua origem (investimento ou mineral) para adotarmos os procedimentos fiscais adequados. Tecle em ``Saiba mais`` para entender os procedimentos.Saiba mais