• loading


    OURO ATIVO FINANCEIRO

    Conheça as vantagens de comercializar Ouro com a confiança
    e experiência que a PARMETAL oferece para você.

1
/
3
/

Competência, Agilidade e Confiança em operações com Ouro

A ``Parmetal DTVM`` é uma instituição financeira autorizada pelo Banco Central do Brasil (Bacen) e pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e é especializada na negociação de ouro ativo financeiro, sua principal atividade.

Cotações Agora (R$/g)

*Preço de negociação pode variar ao longo do dia

Notícias e Artigos

Confira aqui as novidades e nossas avaliações sobre o que está acontecendo no mercado do ouro.
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro estável a US$ 1.750; investidores se equilibram entre protestos e reabertura

2 de junho de 2020
Os preços do ouro diminuíram pouco, chegando a US$ 1.750 por onça na segunda-feira, enquanto os investidores tentavam equilibrar protestos violentos nos Estados Unidos com a esperança de que a maior economia do mundo emergisse totalmente dos bloqueios por coronavírus. O metal amarelo também cedeu fortes ganhos iniciais depois que a fabricante de vacinas Moderna (NASDAQ:MRNA) iniciou um estudo de Fase 2 de sua vacina experimental COVID-19 e Eli Lilly (NYSE: LLY ) iniciou seu estudo de fase 1 para um possível tratamento com anticorpos. O contrato futuros do ouro para agosto caíram US$ 1,40, ou 0,01%, para US$ 1.750,30 por onça na Comex. Na sexta-feira, os contratos futuros de ouro ficaram acima de US$ 1.700 pela primeira vez desde novembro de 2012, ganhando 2,5% em todo o mês de maio, pelo terceiro ganho mensal consecutivo. O ouro spot, que acompanha transações em tempo real em ouro, subiu US $ 9,28, ou 0,5%, para US $ 1.738,35 às 16h00 (horário de Brasília). “Os preços do ouro estão tendo um desempenho abaixo do esperado, apesar das crescentes expectativas de que o acordo comercial entre EUA e China esteja prestes a ser rompido e com protestos generalizados nos EUA aumentando a preocupação de que uma segunda onda de coronavírus possa atingir as principais cidades dos EUA”, disse Ed Moya , analista da OANDA de Nova York. “No entanto, as perspectivas do ouro ainda são otimistas e continuarão sendo sustentadas pelas ações do Fed”, disse Moya, referindo-se às ações de estímulo do Federal Reserve, no valor de trilhões de dólares, em resposta ao Covid-19. “Novas perspectivas de estímulo e incertezas crescentes com as perspectivas econômicas globais devem elevar os preços do ouro no curto prazo.” Dezenas de milhares de pessoas invadiram as ruas das cidades dos EUA no sábado e domingo para expressar sua indignação e tristeza pelo assassinato de George Floyd, um negro sob custódia policial em Minneapolis. A agitação, com relatos de tiroteios, saques e vandalismo em algumas cidades, confundiu prefeitos e governadores ao tentarem reabrir as economias dos estados e cidades dos EUA que foram fechadas nos últimos três meses pela pandemia de Covid-19. FONTE: Investing
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro fecha em alta com definições da China e com dúvidas sobre reabertura.

21 de maio de 2020
Os contratos futuros de ouro fecharam a quarta-feira, 20, em alta, com os investidores buscando o metal precioso mesmo em uma sessão com alta no mercado acionário em Nova York e na Europa. Havia certo otimismo contido, ao sabor do noticiário dinâmico envolvendo a crise da covid-19, com casos de mortes caindo na Europa e EUA, mas também dúvidas sobre o processo de reabertura econômica e uma crescente tensão entre Estados Unidos e China. Investidores aguardam também a realização do Congresso Nacional do Povo e a Conferência Consultiva do Povo, que acontecem nos próximos dias na China e podem trazer direções para a economia mundial. Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para agosto encerrou em alta de 0,43%, a US$ 1.765,60 a onça-troy. Embora o ritmo de mortes por covid-19 esteja caindo na Espanha, Alemanha e no Estado de Nova York – epicentro da infecção americana – dando apoio ao bom humor do investidor no mercado acionário, a escalada na tensão EUA-China e as incertezas sobre a retomada da economia mundial ainda apoiam a busca pela segurança do ouro. Em relatório enviado a clientes, o Erst Group avalia que os mercados estavam respondendo bem às medidas de relaxamento, abertura de fronteiras, sinais econômicos positivos da China e a possíveis avanços na frente de vacinação. “No entanto, o fluxo de notícias permanece misto e a amplitude, alta”. Nesta quarta, o Senado dos Estados Unidos aprovou uma legislação que poderia proibir muitas empresas chinesas de listar ações em bolsas americanas ou levantar dinheiro de investidores americanos sem aderir aos padrões regulatórios e de auditoria de Washington. Por outro lado, em editorial no jornal estatal da China, houve uma mensagem direta ao governo americano de que os EUA rompam laços oficiais com Taiwan e não interfiram em assuntos internos chineses. Para o Rabobank, “um azedume no relacionamento entre os EUA e a China está causando preocupações sobre as perspectivas de crescimento na segunda economia do mundo”. Mesmo assim, os contratos de ouro vão se elevando e, de acordo com o Commerzbank, o metal preciso “está voltando mais uma vez para o patamar de alta visto há sete anos e meio”. FONTE: Isto É
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro fecha em alta, com tensão entre EUA e China e dúvidas sobre reabertura.

13 de maio de 2020
O contrato futuro mais líquido de ouro fechou em alta nesta terça-feira, 12, diante do aumento nas tensões entre Estados Unidos e China, que pode reiniciar uma guerra comercial e congelar os avanços obtidos com a assinatura do acordo “fase 1” entre as duas maiores economias do mundo. A queda nos preços do dia anterior despertaram interesse de compra hoje, de acordo com analistas, que também apontam incertezas sobre a retomada de negócios e uma possível nova onda de covid-19. Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para julho encerrou em alta de 0,52%, a US$ 1.706,8 a onça-troy. Novas incertezas estão emergindo de dois lados diferentes: o temor de que a pandemia de coronavírus possa surgir novamente na Ásia e, renovadas tensões no conflito comercial entre os EUA e a China. Neste cenário, há um movimento de refúgio no ouro, comenta Carsten Fritsch, economista do Commerzbank. Em relatório sobre o metal preciso hoje, o economista alemão diz que a mídia estatal chinesa informou que alguns dos conselheiros do governo chinês estão falando sobre uma retirada parcial do acordo da “fase 1” com os EUA, para que melhores condições para a China possam ser obtidas em negociações subsequentes. “Claramente, o presidente dos EUA, Donald Trump, está em uma posição de negociação mais fraca devido à atual crise econômica e às próximas eleições”, avalia. Recentemente, Trump ameaçou impor novas tarifas punitivas contra a China, devido à atuação de Pequim na pandemia de coronavírus. “Se o conflito comercial surgir novamente, presumivelmente o ouro seria lucrativo, como no ano passado”, avalia Carsten Fritch. Merece destaque também hoje o depoimento, no Senado americano, do diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, Anthony Fauci. O médico alertou para “sofrimento desnecessário e mortes” caso haja uma retomada precoce da economia local, e que a vacina contra a covid-19 ainda está na “fase 1”. Também há relatos de que o Senado americano planeja adotar uma legislação que imporia sanções a autoridades chinesas por violações de direitos humanos contra minorias muçulmanas, em meio a um sentimento anti-China crescente no Parlamento dos EUA. FONTE: Isto é
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Os Futuros de Ouro subiram durante a sessão asiática.

29 de abril de 2020
Os Futuros de Ouro subiram durante a sessão asiática na quarta-feira. Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York, Os Futuros de Ouro em Junho foram negociados na entrega a US$ 1.726,45 por onça troy no momento da escrita, subindo 0,25%. Anteriormente negociadas na alta da sessão a US$ por onça troy. O Ouro estava propenso a encontrar apoio em US$ 1.704,10 e resistência em US$ 1.764,20. O Índice Dólar Futuros, que acompanha o desempenho do dólar norte-americano em comparação com a cesta das seis principais moedas, registrou perdas 0,17% para negociação a US$ 99,767. Em outra parte da Comex, A Prata para entrega em Maio registrou ganhos 0,90% para negociação a US$ 15,307 por onça troy enquanto O Cobre para entrega em Julho registrou ganhos 0,77% para negociação a US$ 2,358 por libra-peso. FONTE: Investing
Câmbio Commodity Cotacao Dólar Economia EUA Investimento Mercado Ouro Parmetal

Ouro fecha em alta com cautela por incertezas decorrentes de impactos da covid-19.

23 de abril de 2020
O contrato futuro mais líquido de ouro fechou em alta nesta quinta-feira, 23, com incertezas sobre a pandemia do novo coronavírus levando investidores a buscarem ativos mais seguros. Apesar do cenário um pouco melhor nos mercados financeiros, a cautela generalizada segue sustentando o metal precioso. O ouro para junho encerrou o dia com avanço de 0,41%, a US$ 1.745,40 a onça-troy, na Comex, divisão de metais na New York Mercantile Exchange (Nymex). Dados econômicos em todo o mundo continuam a apontar para uma forte recessão global este ano, como resultado da covid-19. No Reino Unido, na zona do euro, na Alemanha e nos Estados Unidos, os índices de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) caíram a mínimas históricas em abril, de acordo com uma série de relatórios divulgada hoje pela IHS Markit. Na Europa, a presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, projetou que o Produto Interno Bruto (PIB) do bloco deve registrar queda entre 5% e 15% este ano. Segundo o BK Asset Management, o cenário impulsionou a cotação do ouro futuro, que costuma se beneficiar em momentos de incerteza. “Os problemas na Europa estão ajudando no avanço do ouro, que opera acima de US$ 1.725 a onça-troy, enquanto investidores continuam a migrar para ativos de segurança como proteção contra as incertezas econômicas”, destacou a instituição, em relatório enviado aos clientes. FONTE: Isto É

Quero Comprar Ouro

Comprar Ouro é muito simples. Todo ouro vendido pela empresa é considerado ativo financeiro e não mercadoria. O ouro poderá ser entregue no endereço do cliente (consulte custos de entrega). Tecle em ``Saiba mais`` se deseja mais informações sobre como comprar ou conhecer nossos lingotes.Saiba mais

Quero Vender Ouro

Vender seu ouro não é complicado. Se ele estiver em seu poder, precisaremos saber sua pureza (se não for puro, haverá o custo de refino) e conhecer sua origem (investimento ou mineral) para adotarmos os procedimentos fiscais adequados. Tecle em ``Saiba mais`` para entender os procedimentos.Saiba mais