CADASTRO

Para comprar e vender Ouro com a Parmetal, preencha nosso formulário online. Clique nos botões abaixo para criar ou acessar seu perfil.

Pessoa Física Pessoa Jurídica

PASSO A PASSO

01. Preencha os formulários de cadastro.
02. Imprima os documentos gerados, confira suas informações e assine nos campos assinalados.
03. Entregue os documentos impressos juntamente com o restante da documentação solicitada na agência mais próxima de você. Entraremos em contato informando a efetivação de seu cadastro.

Acesse o tutorial aqui

Ouro fecha em alta à espera da ata do Fed

2 semanas atrás
Home  /  Banco Central  /  Ouro fecha em alta à espera da ata do Fed

FILE PHOTO: An employee of Deutsche Bundesbank tests a gold bar with an ultrasonic appliance during a news conference in Frankfurt

Publicado: (05.07.2018 15:03)

Por: Terra

O contrato futuro de ouro fechou em alta no pregão desta quinta-feira, 5, com os investidores à espera da ata da reunião de política monetária de junho do Federal Reserve (Fed, o banco central americano). Na Comex, divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), o ouro para entrega em agosto avançou 0,42%, para US$ 1.258,80 por onça-troy. Os investidores aguardam a ata da reunião do Fed de junho, que será divulgada nesta tarde. Indícios de que o banco central poderia ser mais acelerado do que o esperado anteriormente ao elevar as taxas de juros podem pesar sobre o ouro, que luta para competir com ativos cujo rendimento é elevado quando os juros sobem. Nas últimas semanas, o ouro tem sofrido à medida que o dólar apresentou avanço generalizado com as expectativas de aperto mais acelerado do Fed. No mês passado, o banco central americano sinalizou que elevaria as taxas mais duas vezes este ano, totalizando quatro aumentos de 0,25 ponto porcentual, e que subiria os juros mais três vezes em 2019.

Site: https://www.terra.com.br/economia/ouro-fecha-em-alta-a-espera-da-ata-do-fed,d12b6e5517c477302359ca8afd7d290docvuyb8p.html

Categories:
  Banco CentralFEDNew YorkOuroPolíticaTaxa de Juros
Esse post foi compartilhado 0 vezes
 000