Ouro opera em nova baixa de 1 semana após dados de emprego e PIB

5 anos atrás
Home  /  Câmbio  /  Ouro opera em nova baixa de 1 semana após dados de emprego e PIB

A participant stands beside an illustration of gold at a booth during LME Week Asia in Hong Kong

Fonte: Investing.com

Os preços do ouro ampliaram as perdas da madrugada durante a sessão norte-americana desta quinta-feira, caindo para uma nova baixa de uma semana, uma vez que os investidores digeriram os dados econômicos dos EUA melhores do que o esperado.

Os dados oficiais mostraram que a terceira estimativa do produto interno bruto do segundo trimestre mostrou crescimento de 1,4%, revisado a partir da leitura anterior de uma expansão de 1,1%. Os analistas esperavam uma taxa de crescimento de 1,3%.

Separadamente, o Departamento de Trabalho dos EUA informou que a quantidade de indivíduos que entraram com pedido novo de seguro-desemprego na semana que terminou em 24 de setembro aumentou em 3.000, para 254.000, do total da semana anterior de 251.000. Os analistas esperavam que os pedidos de seguro-desemprego nos EUA crescessem 9.000 para 260.000 na semana passada.

Na divisão Comex da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex), o ouro com vencimento em dezembro atingiu uma baixa diária de US$ 1.318,60 por onça-troy, um nível não visto desde 21 de setembro. O seu preço ficou em US$ 1.320,05 às 08h53 ET (12h53 GMT), uma queda de US$ 3,65, ou 0,28%.

Os mercados aguardam agora os comentários de uma série de autoridades do Fed, incluindo a presidente, mais tarde na sessão por mais pistas sobre a probabilidade de um aumento da taxa em dezembro.

O presidente do Fed de Atlanta Dennis Lockhart, o presidente do Fed Jerome Powell, o presidente do Fed de Minneapolis Neel Kashkari e a presidente do Fed de Kansas City Esther George discursarão durante o dia.

A presidente do Fed Janet Yellen participará de uma videoconferência no Minority Bankers Forum em Kansas City às 16h ET (20h GMT).

Yellen disse ao Congresso na quarta-feira que o banco central não tem um “calendário fixo” para modificar a sua política monetária. No entanto, Yellen acrescentou que a criação de emprego em seu ritmo atual faria com que a economia superaquecesse e, nesse caso, o Fed poderia ser forçado a elevar as taxas mais rápido do que o esperado.

De acordo com o Monitor da Taxa de Juros do Fed da Investing.com, os mercados estão apostando em uma chance de em torno de 57% para um aumento das taxas em dezembro.

O ouro é sensível a movimentos nas taxas norte-americanas, o que aumenta o custo de oportunidade de detenção de ativos de baixo rendimento como metais preciosos.

No mercado de câmbio, o índice do dólar, que avalia a força do dólar norte-americano em comparação com a cesta das seis principais moedas, subiu 0,25% para 95,55 no início do dia.

Contra o iene, o dólar subiu 1%, para 101,71, ampliando sua recuperação de uma baixa de um mês de 100,06 atingida na semana passada.

Site: http://br.investing.com/news/not%C3%ADcias-de-commodities-e-futuros/ouro-opera-em-nova-baixa-de-1-semana-ap%C3%B3s-dados-de-emprego-e-pib-205431

Categories:
  CâmbioCommodityCotacaoDesempregoDólarEconomiaEmpregoEUAFEDInvestimentoMercadoNova YorkOuroPIBPolíticaTaxa de Juros
Esse post foi compartilhado 0 vezes
 300